© 2018 por Assemblage Produtora 
ID visual por Ingrid Bittar - 2014

  • Facebook Social Icon
  • Instagram ícone social
  • Vimeo ícone social
Da câmera-pele ao abismo do coração

08/09

Maio

Período: 08/05 - 09/05

Carga Horária: 6h

Terça e Quarta, das 19h às 22h

Investimento: 200,00 (parceláveis)

(com direito a convidar um amigo para fazer o curso)

> Da câmera-pele ao abismo do coração: questões do íntimo e do político na escrita de si e do outro. 

O curso é estruturado a partir de uma ideia de biografia que possa se revirar para além dos lugares canônicos, articulando em seu centro a própria dispersão de si e sustentando, a partir da dimensão do íntimo, do gesto e da memória, um campo poético e político na arte. 

Encontro 1: Naomi Kawase: na pele do mundo, o abismo de cada um e Agnès Varda: recolher pelas mãos o gesto como cristal da memória
Encontro 2: Sophie Calle: deixar-se escapar pelo olho do mundo e Christian Boltanski: o insular e o comum-chegar ao abismo do coração

O curso se dirige a psicanalistas, artistas, críticos da arte e interessados no diálogo entre Arte e Psicanálise.

Bianca Dias
Escritora, psicanalista e crítica de arte. Fez história da arte na Faap e é mestre em estudos contemporâneos das artes pela Universidade Federal Fluminense. Foi a fundadora do núcleo de estudos em psicanálise e arte do Instituto Figueiredo Ferraz, grupo que coordenou e onde sedimentou sua pesquisa durante alguns anos. Escreveu " Névoa e assobio"- livro finalista do Jabuti e é pesquisadora na Galpão das artes onde desenvolve projetos de curadoria.